O ‘reizinho’ Dudu leva a liderança. Liderança do quê?

Eduardo Bolsonaro teimou e é o novo líder da bancada do PSL.

Vai liderar, de um lado, capachos e, de outro, ressentidos.

Todos humilhados por uma briga de moleques, com xingamentos de toda ordem.

A “boa-vontade” anunciada em vídeo pelo ex-líder Delegado Waldir não dura mais que um dia, assim mesmo porque a Câmara, nesta 2a.feira, está semideserta.

“”Quando ele fez isso, não sabia que o acordo foi descumprido”, disse o deputado bivarista Júnior Bozzella (PSL-SP) ao Congresso em Foco.

O acordo seria a apresentação de um terceiro nome, com uma trégua, que teria sido negociada pelo general Luís Eduardo Ramos, ministro da Secretaria de Governo.

Mas não tem tamanho o apetite do “filhote” e ele mandou que fosse vingada a ofensa de ter sido recusado.

O rolo compressor do “papai” passou antes da viagem para a Ásia e hoje cedo a lista estava pronta, entregue ao protocolo da Câmara assim que este abriu.

Os vencidos terão de sabotar ou sair, porque não há perdão na casa do ódio.

E o vencedor? Bem, este leva um novo letreiro na testa, em lugar daquele “Make America Great Again” de propaganda de Donald Trump que usou para puxar saco por sua aposentada – por enquanto – candidatura a embaixador nos EUA.

Agora é “beware the dog”.

Comentários no Facebook