Marco Aurélio dá o primeiro voto sobre prisão em 2ª instância. Assista

Dentro de instantes, depois da manifestação da Procuradoria Geral da República , o ministro Marco Aurélio Mello dá, como relator, o primeiro voto sobre a execução de pena antes do trânsito em julgado de sentenças.

Marco Aurélio, que há dois anos luta pela inclusão do tema em pauta, já anunciou que votará para que seja mantida a presunção de inocência estabelecida pela Constituição.

Assista:

Comentários no Facebook