La Paz em guerra

La Paz é um nome, hoje, impróprio para a capital da Bolívia.

A cidade está tomada por manifestantes pró-Evo Morales, a maioria da vizinha El Alto, cidade gêmea, pobre e maior que a capital propriamente dita.

A Polpicia, onde o chefe foi derrubado hoje de manhã por não soltar a tropa contra o povo, pediu arreglo e solicitou, formalmente, que as Forças Armadas passem a exercer a repressão para assegurar a ordem interna.

O Exército disse que vai fazer a segurança das instalações de água, energia e dos demais serviços públicos, mas não da ordem interna, que disse ser atribuição da policia.

É imprevisível o que vai ocorrer no país.

Trocou-se uma nova eleição, com a qual o governo havia concordado, pelo golpe.

Agora, que se enfrentem as consequências.

Comentários no Facebook