‘Assessor 2’ tirou Deltan de outra ‘fria”…

O “Assessor 2”, que ficou famoso por dar conselhos sensatos aos procuradores da Lava Jato no episódio em que tentaram debochar da defesa de Lula, voltou a aparecer, com a mesma prudência, em mais um trecho dos diálogos da Vaza-Jato, desta vez publicados pelo UOL, em parceria com o The Intercept.

Desta vez, o ajuizado “Assessor 2” quase implora – “por favorzinho…” – a Deltan para que não divida o palco do “Fórum da Liberdade” com o então ainda obscuro Jair Bolsonaro e marque a sua imagem como de extrema-direita.

O pobre assessor pegou a encrenca pelo rabo: já era quase meia-noite de quarta-feira, 19 de outubro de 2016, e o evento começava às 8 horas de sábado, dia 22. A muito custo, demoveu Dallagnol de se expor – ele parecia não dar muita importância a isso – e a sugerir a sua substituição pelo reacionaríssimo também procurador Roberto Livianu no evento, patrocinado pela Empiricus (Antagonista) , Suzano, Porto Seguro e Localiza, entre outros.

Pelo diálogo, Deltan dá pouca ou nenhuma importância a que a atuação da Força Tarefa seja usada politicamente.

Só quem está saindo bem desta história, no final das contas, é o tal “Assessor 2″… Se os procuradores tivessem metade de seu senso de equilíbrio e moderação não estariam metidos na encrenca que estão.

Agora, permita-me o coleguinha: “por favorzinho” é demais…

 

 

 

 

Comentários no Facebook