Aécio deixou Minas com salário básico de médico em R$ 1.050. Palavra do CFM

hipo

Eu me recuso a acreditar que Aécio Neves deixou os médicos mineiros com o pior salário do Brasil, muito menos do que ganham os “escravos cubanos” do Mais Médicos, aos quais ele pretende dar fim.

Isso não é verdade, é obra, claro, de blogs sujos como este aqui.

Por isso, fui buscar uma informação responsável, garantida, de quem entende do assunto e que , como ele, também chama de escravos os cubanos que recebem R$ 3.000,00, mais casa, comida e um valor depositado em seu país de origem.

tabela

O Conselho Federal de Medicina.

No dia 24 de outubro de 2011, portanto já quase um ano depois da saída de Aécio, o vencimento básico do médico mineiro estava em …R$ 1.050 por 20 horas semanais. Como os médicos do Mais Médicos têm jornada de 40 horas, isso daria R$ 2.100.

Não era o pior, mas era o 4° pior.

Está aqui, no site do Conselho, com uma tabela e tudo o mais.

Confira e compartilhe.

Claro que o vencimento básico não é a remuneração total. Em quase todos os Estados, senão em todos, há gratificações, penduricalhos diversos que são acrescidos,  mas que não mudam o essencial.

Esta era  a base da remuneração deixada por Aécio Neves.

Mas acho que o Conselho Federal de Medicina não ia publicar dados totalmente distantes da realidade.

O médico mineiro, inclusive, tem a desvantagem de não poder pedir exílio ao deputado Ronaldo Caiado, do DEM, aliado de Neves na disputa presidencial.

Espero que o Antonio Anastasia tenha melhorado o vencimento destes profissionais.

Agora mesmo ele abriu um concurso para especialistas em políticas de saúde, de formação médica, oferecendo R$ 2.292 de vencimento, mais 40% (R$ 917) de gratificação.

Não me recordo de ter lido que o Dr. Dr. João Batista Gomes, presidente do Conselho Regional de Medicina mineiro, a quem apelidei de Dr. Puliça , por dizer que ia chamar a PM para prender os médicos cubanos, ter ido para a porta do Palácio de Aécio fazer protestos.

A hipocrisia só tem um “probleminha”.

Não se sustenta de pé.

 


Der WhatsApp Chat ist offline

Comentários no Facebook