A ‘quadrilha’ do governo: “É mentira, anarriê…”

A Casa Civil do Governo Bolsonaro, chefiada por Ônyx Lorenzoni, diz que não existe, como anunciaram  vários deputados da base governista, que Jair Bolsonaro tenha desistido dos cortes no sistema educacional.

É como nas festas juninas: “Olha o corte! É mentira! Anarriê…”

Está no Correio Braziliense:

Mais de um deputado do partido do presidente Jair Bolsonaro afirmou, na noite desta terça-feira, que o mandatário havia telefonado para o ministro da Educação, Abraham Weintraub, e ordenado que a pasta voltasse atrás no corte de cerca de 30% nos orçamentos das universidades. A informação foi confirmada ao Correio pela deputada federal Bia Kicis (PSL-DF) e repetida até mesmo pelo líder da legenda na Câmara, Delegado Waldir (PSL-GO).
Pouco depois, no entanto, tanto o Ministério da Educação (MEC) quanto a Casa Civil desmentiram, por meio de nota, o que os parlamentares diziam. “Não procede a informação de que haverá cancelamento do contingenciamento no MEC.
Desistindo dos cortes, Bolsonaro transformaria o protesto em festa, mais forte.
Fazendo este tipo de jogada, transforma o protesto em fúria.

Comentários no Facebook